Artigos Beleza e Saúde



Rinoplastia aberta – uma nova tendência

A medicina, como tudo no mundo, encontra-se em permanente evolução. E a Cirurgia Plástica da mesma forma, acompanhando as tendências dos novos tempos. Acontece isso também nas cirurgias plásticas do nariz.
Inicialmente as técnicas de rinoplastia permitiam o tratamento do nariz somente através de incisões feitas dentro das narinas, sem a presença de cicatrizes na parte externa da pele nasal. É o que chamamos de rinoplastia fechada. O tratamento da maioria das estruturas do nariz era feita sob visão indireta, ou seja, através da palpação da pele do nariz.
Há alguns anos iniciou-se o tratamento do nariz através de uma incisão feita na columela, que é a estrutura que fica no centro do nariz, entre uma narina e outra. Essa incisão se continua lateralmente por dentro da narina, como era feita antigamente.



Com este tipo de incisão se torna possível o descolamento de toda a pele do nariz, expondo-se assim por completdo todas as estruturas internas e possibilitando o seu tratamento sob visão direta. Áreas que não eram visíveis nas cirurgias fechadas agora se tornam completamente expostas, possibilitando uma intervenção direta sobre as estruturas, tornando os resultados muito mais previsíveis e satisfatórios do que quando feitos “às cegas”.



A rinoplastia aberta, também chamada de exorinoplastia, se presta muito bem para tratamentos da ponta do nariz, do septo ou do dorso nasal, tanto ósseo quanto cartilaginoso. Através desta técnica também conseguimos encurtar o nariz ou mesmo proceder a colocação de enxertos de cartilagem em pontos estratégicos, conferindo uma estruturação muito melhor de toda a região.
Uma desvantagem desta técnica é o inchaço pós-operatório, que é mais prolongado que com a rinoplastia fechada. Mas, apesar de durar mais tempo, este edema também se desfaz com o tempo, como em qualquer cirurgia.
E você deve estar se perguntando: - E essa cicatriz? Como escondê-la? Esta é a melhor parte! A pele do nariz, por ser bastante oleosa, tem uma cicatrização excelente. A pequena cicatriz resultante, com o passar do tempo, praticamente desaparece.

Converse com o seu cirurgião plástico sobre esta opção. Ele poderá esclarecer se ela é possível no seu caso, e tirar todas as suas dúvidas a respeito das rinoplastias.

Dr. Antonio Greca Born
Cirurgião Plástico
Membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.